16/12/2022 18H01MPLA COMITÉ PROVINCIAL DE MALANJE.

Camarada Manuel Figueiredo, membro do Comité Central, Director do Gabinete de Estudos e Análises do Comité Central e coordenador Adjunto do Grupo de Acompanhamento;

Camarada Nelo de Carvalho, membro do Comité Central do MPLA e Segundo Secretário do Comité Provincial do Partido.

Camaradas Membros do Secretariado e da Comissão Executiva do Comité Provincial do Partido;

Camaradas Membros do Comité Central residentes;

Camaradas Membros do Comité Provincial;
Caros convidados!

Gostaria em primeiro lugar, saudar à todos e dar boas vindas aos membros do Comité Provincial vindos do interior da província, para participar desta sessão que para nós será um enorme prazer receber-vos e juntos trabalharmos para o fortalecimento e engrandecimento do MPLA em Malanje.

Camaradas!

Realizamos hoje a terceira Reunião Ordinária do Comité Provincial, para procedermos o balanço das actidades desenvolvidas durante o ano de 2022, bem como aprovar o Programa de actividades e o Plano de eventos do Comité Provincial, para o ano de 2023.

Durante o ano de 2022, os Órgãos e Organismos do Partido na Província, não pouparam esforços para o alcance dos objectivos da Agenda Política do MPLA, considerada como uma mola impulsionadora, para o alcance da Vitória nas eleições Gerais.
A crise económica e financeira, teve um impacto negativo com consequências visíveis nas famílias, criando constragimentos na execução do Programa do Governo Provincial de Malanje, adiando sobremaneira a realização do sonho de melhores dias para os vários segmentos da nossa população.

Caros Camaradas!

Esta reunião, será de igual modo marcada com uma reflexão sobre o desempenho do Partido e dos resultados eleitorais alcançados nas eleições gerais de Agosto último.

Aqui queremos chamar a vossa atenção para um debate aberto, franco, desapaixonado, honesto e responsável, para em conjunto identificarmos os factores endógenos e exógenos que estiveram na base dos resultados eleitorais.

É importante dizer que o MPLA na Província de Malanje venceu em todos os municípios, tendo obtido 61,29 % do total dos votos da Província, apesar da perca de dois mandatos na Assembleia Nacional.

Quero em nome da Direcção do Partido, agradecer o envolvimento dos militantes do MPLA, da OMA e da JMPLA, na implementação da estratégia eleitoral do nosso Partido.

Agradeço a total entrega do Secretariado, da Comissão Executiva e do Comité Provincial;
Agradeço igualmente, as Direcções do MPLA em todos os Municípios e Comunas, as Direcções dos Comités de Acção do Partido, pelo sacrifício consentido na pré-campanha e Campanha Eleitoral na Província, dizer que foi determinante o vosso trabalho e peço uma salva de palmas.

Camaradas Membros do Comité Provincial !
O MPLA desde a sua fundação, sempre esteve ao lado do povo e neste momento de crise, devemos estar cada vez mais próximo das bases e dos militantes, para transmitir esperança e o sentimento de confiança, nas políticas em curso que visam fundamentalmente melhorar a vida dos angolanos.

Camaradas, o nosso contacto com a base, deve constituir prioridade na nossa actividade político-partidária, auguro uma participação activa dos membros do Comité Central resides e do Comité Provincial do MPLA, nas actividades dos CAP’s e nas tarefas sociais das comunidades, dos nossos bairros, ruas, aldeias, vilas e cidade. Como disse o saudoso Presidente António Agostinho Neto, é preciso descer as bases e subir com elas.

Estimados camaradas!

Tal como disse o Camarada Presidente João Lourenço, na abertura da 6ª Sessão Ordinária do Comité Central do MPLA, e eu sito” A força deste grandioso MPLA reside no facto de ser um Partido que está em contínua renovação, adaptando-se sempre às condições das várias fases e etapas da luta do povo angolano, que nos mantém sempre firmes, unidos e coesos.

Embora o nosso Partido assente a sua acção nos Estatutos e no Programa de Governação, sufragado nas urnas pelos eleitores em Agosto de 2022, considero fundamental, nesta reunião, definir claramente o rumo a seguir daqui para frente, respeitando precisamente as políticas traçadas nos documentos reitores do nosso Partido.

Não basta termos um bom programa e bons estatutos. Importa que a nossa prática, a nossa atitude, enquanto Partido, esteja em conformidade, alinhada com o conteúdo dos documentos que aprovamos em Congresso ou a outro nível de direcção.

Reitero o apelo para uma reflexão franca, aberta, sincera, honesta e que possa concorrer para o reforço da unidade, coesão e disciplina partidária.

Camaradas! Estamos a poucos dias do natal e da passagem de ano, momento de festa e alegria para as famílias.

Quero em meu nome e da minha família, desejar à todos os militantes, amigos e simpatizantes do MPLA, OMA e da JMPLA, festas felizes e que Deus todo poderoso, possa abençoar à todos.

Que seja um momento festivo e revestido de muita paz, harmonia, reconciliação e prosperidade, para todas as famílias Angolanas, em particular, as da Província de Malanje.

Que 2023 seja um ano de confiança no futuro e de muitas realizações pessoais, académicas e profissionais.

Com estas Palavras declaro aberta a III reunião ordinária do Comité Provincial do MPLA.

A LUTA CONTINUA!

A VITÓRIA É CERTA!

MUITO OBRIGADO PELA VOSSA ATENÇÃO


Revista Destemidos