10/11/2022 08H00 NOTA DE IMPRENSA

ANGOLA E NAMÍBIA, ASSINAM ACORDO REGULADOR DE OPERAÇÃO DA BARRAGEM DE CALUEQUE

Angola e Namíbia assinaram na tarde desta quarta-feira 9 de Novembro, acordo bilateral que passa apartir de agora regular a operação da barragem de Calueque, que visa essencialmente a movimentação de técnicos da empresa Namíbiana que explora o empreendimento daquele País, situado no nosso País, que beneficia Angola por via do sistema de bombagem que abastece água às populações da região de Oshakati e beneficia de igual modo à zona norte da Namíbia.
Testemunhado pelo Ministro da Energia e Águas, Eng. ° João Baptista Borges e o Ministro da Agricultura e Reforma Agrária da Namíbia, Eng. ° Carl Schlettwein, rubricou o acordo por Angola o Director do Gabinete de Administração das Bacias Hidrográficas do Cunene Cubango e Cuvelai, Arquitecto Carolino Mendes e pela Namíbia, o Eng.° Elijah Ngurare

Construída entre os anos de 1972 à 1976, foi submetida ao processo de reabilitação em 2012 e concluída as obras em 2016, por conta do conflito armado que em muito havia afectado o trabalho de manutenção.

Calueque tem como um dos objectivos principais , a regularização do caudal do rio para garantir a máxima eficiência de produção de energia a Central Hidroeléctrica do Ruacana, bem como fornecer a água para o consumo humano, pecuária e irrigação nos dois lados da fronteira de Angola/Namíbia e garantir o acesso rodoviário, através da ponte incorporada na Barragem .

De regresso à Ondjiva o Governante Angolano e sua comitiva, visitaram as obras de instalação da Nova Central Termoeléctrica em fase de incremento da sua capacidade de produção em 100 porcento com a instalação de mais uma turbina de 28MW, com data de arranque previsto para o corrente mês.

A incursão do Ministro da Energia e Águas ao Sul de Angola, segue amanhã para província da Huila.

GABINETE DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO, COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E IMPRENSA DO MINEA, Cunene, 9 de Novembro de 2022

Revista Destemidos.