06/10/2022  09H42

O décimo Encontro de Escritores de Língua Portuguesa decorre a partir de hoje até sábado, na cidade cabo-verdiana da Praia, com a participação de distintos autores da lusofonia. Angola está representado

O Encontro de Escritores de Língua Portuguesa, que decorre sob o tema “Insularidade e Universalidade na Literatura”, é uma iniciativa da União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa (UCCLA) e da Câmara Municipal da Praia (CMP), em parceria com a Empresa de Mobilidade e Estacionamento da Praia (EMEP), a Academia Cabo-verdiana de Letras (ACL) e a Sociedade Cabo-verdiana de Autores (SOCA).

Hoje, o acto de abertura oficial do encontro será presidido pelo Primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, e contará com a presença do Presidente da CMP, Francisco Carvalho, do Secretário-geral da UCCLA, Vitor Ramalho, do presidente da EMEP, Victor Coutinho, e do presidente da ACL, Daniel Medina.

Do temário do encontro, que decorrerá ao longo de três dias, para além da questão em volta da insularidade, constam vários outros assuntos.

“Literatura e Sociedade – Inclusão e Património”, “Vozes Femininas na Literatura”, “Políticas e temáticas da literatura contemporânea lusófona”, “Agora Falo Eu” e “Tertúlia Literária: Testemunho sobre Eu Escritor. Processos de criação Literária e de Edição”.

Lopito Feijóo abordará no encontro a complexa temática da literatura no actual contexto social angolano.

Dentre outros escritores estão já confirmadas a participação de Alexandre Siloto Assine, Domício Proença Filho, Andreia Mosso, Augusta Teixeira, Daniel Medina, Dina Salústio, Elisângela Rocha, Fátima Fernandes, Germano Almeida, Hermínia Curado, João Lopes Filho, Jorge Carlos Fonseca, José Luiz Tavares, Madalena Neves, Manuel Brito Semedo, Manuel Veiga e Vera Duarte, Tony Tcheka, Sheilla Kan, Ungulani Baka Kossa, Valter Hugo Mãe, Inocência Mata, Luís Cardoso “Takas”.

O Encontro de Escritores de Língua Portuguesa (EELP) é uma iniciativa anual da UCCLA e tem como objectivo contribuir para o diálogo e enriquecimento recíproco entre escritores de todos os países de língua oficial portuguesa. Os encontros são organizados pela UCCLA desde 2010.

Ao longo das edições, já participaram mais de 100 escritores, entre os quais escritores consagrados pelos principais prémios literários das literaturas escritas em Língua Portuguesa – incluindo seis prémios Camões: Arménio Vieira, Eduardo Lourenço, Germano Almeida, João Ubaldo Ribeiro, Pepetela e Mia Couto -, mas também escritoras e escritores de diferentes gerações e tradições literárias.

De salientar que as anteriores edições do Encontro de Escritores de Língua Portuguesa decorreram na cidade de Natal, Brasil (4); Luanda, Angola (1) e Praia, Cabo Verde (4).

pelos escritores Lopito Feijóo e José Agualusa

Revista Destimidos.