06.06.2022 01H05

Recep Tayyip Erdogan, presidente turco, fala durante encontro parlamentar em Ancara, Turquia, 1º de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.06.2022
Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia

Segundo o presidente da Turquia, é necessário reformar o Conselho de Segurança da ONU, uma ideia que ele já avançou antes de ser proposta por países ocidentais, disse.

Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia, crê que “o sistema construído pelo Ocidente para defender sua segurança e bem-estar está sendo destruído”, informou no domingo (5) mídia local.

Erdogan disse que os países ocidentais estão começando a entender a necessidade de reformar o Conselho de Segurança.

“A proposta de reforma do Conselho de Segurança da ONU, que temos apresentado há muitos anos parece correta. Existem mais de cinco países, em aparente referência aos membros permanentes do órgão. Agora eles mesmos começaram a dizer isso. Eles dizem ser preciso reformar o Conselho de Segurança da ONU”, disse ele, acrescentando que os Estados em questão  chegarão à conclusão do que estamos dizendo.

Revista Destemidos.