O projecto de extensão e manutenção da rede de iluminação pública na cidade de Ondjiva, província do Cunene, está a 87 por cento de execução.

Enquadrado no programa de Despesa de Apoio ao Desenvolvimento (DAD), orçado em 383 milhões 300 mil 968 kwanzas, o projecto, com duas fases, compreende a extensão da rede de iluminação do bairro Caxila III e Oshomukuio, num percurso de quatro mil 300 metros de extensão.

Os trabalhos adjudicados a empresa DNT consistem na colocação de 144 postos e respectivas luminárias, assim como na montagem de dois postos de transformação de 160 KVA cada.

Já a segunda fase reserva, igualmente, a manutenção da rede existente no casco urbano de Ondjiva, através da substituição dos postos danificados, arrancadores automáticos, cabos obsoletos e lâmpadas.

Em declarações à ANGOP, o encarregado de obras, Ilídio Santiago, assegura que se encontram já instalados 95 postes dos 144 previstos, assim como as restantes bases concluídas.

O responsável fez saber que actualmente os trabalhos se resumem na montagem das caixas, alinhamento dos postes levantados, para, de seguida, se estender os cabos aéreos e colocação das luminárias.

Em relação à manutenção, disse estarem concluídos os trabalhos de substituição de cabos e luminárias da Avenida 11 de Novembro (Stop 4 até à rotunda do Aeroporto), estando, actualmente, em curso a correcção da linha dos bairros de Bangula e Pioneiro Zeca, desvio da Alemanha, entrada do bairro Onahumba.

Informou que a empreitada decorre de forma satisfatória e já garantiu 26 postos de trabalho a jovens angolanos.

A cidade de Ondjiva (antiga Vila Pereira D’Eça ) é a  capital da província do Cunene e conta com 95 mil, 628 habitantes distribuídos em 24 bairros.

Revista Destemidos