O Poeta dos Pés Descalços completou, na sexta-feira última, 20 anos de carreira e realizou uma gala para saudar a ocasião, na Livrus, na Mutamba, em Luanda, que contou com os testemunhos de Kardo Bestilo e Kimuanga Bumba.

Ângelo Reis celebrou a data com uma gala especial 

Entre os convidados constaram, ainda, nomes como Florinda Miranda, que durante duas horas falaram sobre o poeta. A banda Mazui dya Musseki também marcou presença e interpretou alguns clássicos da música nacional.

No acto, o artista interpretou temas dos três álbuns de poesia musicada e também temas clássicos. Nesta fase da carreira, o declamador disse tem apostado, também, na música.

Natural de Luanda, Ângelo Reis é o cofundador do Movimento Lev’Arte, que começou a conquistar espaço no mercado nacional ao apresentar recitais de poesia. Autor de três álbuns de poesia musical, “O Casamento entre o Semba e a Poesia”, “Projecto o Fado e a Poesia” e “Memórias de Agostinho Neto”, colocou no mercado, em 2015, o primeiro livro de poesia, “Um Dia Depois do Amanhã”, com a chancela da Editora Acácias.

Revista Destemidos.

G.G.M.Â