O Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) disponibiliza, esta terça-feira, o serviço de aconselhamento ao agricultor, como forma dessa instituição contribuir na melhoria e desempenho técnico dos produtores do país.

O serviço não financeiro vai ser prestado de forma gratuita a qualquer produtor agrícola, quer de agregados familiares ou empresarial, quer de cooperativas.

De acordo com o banco, o serviço deve contribuir na melhoria do desempenho das explorações agrícolas, através de uma assessoria técnica personalizada, cujo impacto deve traduzir-se no aumento da produtividade, no número de empregos e, consequentemente, no desenvolvimento do sector.

O serviço de aconselhamento técnico e apoio ao agricultor surge da constatação feita pelo BDA ao longo de vários anos, na sua interacção com a classe agrícola, sobre a necessidade de alguma assessoria técnica, essencialmente em técnicas de cultivo.

Revista Destemidos