Depois da queda aparatosa no warm-up do Grande Prémio da Indonésia, espanhol volta a sofrer de visão dupla.

Oazar e os problemas de saúde voltam a bater à porta de Marc Márquez. Depois da concussão cerebral sofrida após a queda no warm-up do Grande Prémio da Indonésia, que o deixaram fora da prova por precaução, o piloto espanhol informou esta terça-feira que voltou a ter sintomas de diplopia.

“Parece que estou a viver um déjà-vu… Durante o caminho de regresso a Espanha, comecei a apresentar dificuldades na minha visão e decidimos visitar o Dr. Sánchez Dalmau, que me confirmou que tenho um novo episódio de diplopia”, informou Márquez nas redes sociais.

“Felizmente é menos grave do que a lesão que tive no final do ano passado. Agora necessito de descansar e esperar para ver como a lesão evolui. Como sempre, obrigado a todos pelo vosso apoio”, acrescentou o piloto da Honda.

A participação de Marc Márquez no Grande Prémio da Argentina, marcado para o dia 3 de abril, está assim em dúvida, assim como o seu regresso às pistas fica indefinido.

O médico que está a seguir o piloto espanhol afirmou que “na próxima semana, Marc Márquez vai submeter-se a uma nova avaliação para aquilatar da evolução da lesão e poder prognosticar um período estimado de recuperação para poder voltar à competição”.

Recorde-se que a diplopia foi causada pela paralisia do quarto nervo ótico do olho direito e provoca visão dupla, uma lesão rara em alta competição, mas que já afetou, por exemplo, o piloto português Tiago Monteiro, após um acidente sofrido em Espanha, em 2017.

https://twitter.com/marcmarquez93/status/1506211159007019010/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1506211159007019010%7Ctwgr%5E%7Ctwcon%5Es1_&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.noticiasaominuto.com%2Fauto%2F1958809%2Fpesadelo-de-marc-marquez-continua-sintomas-de-diplopia-voltaram

Revista Destemidos.

G.G.M.Â