Em 24 de fevereiro de 2022, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação especial militar para “desmilitarização e desnazificação da Ucrânia”.

Durante a operação, as Forças Armadas da Rússia eliminam instalalções da infraestrutura militar ucraniana, sem realizar ataques contra alvos civis em cidades. Os militares russos também organizam corredores humanitários para população civil que foge da violência dos neonazistas e nacionalistas.

Ao mesmo tempo, já foram realizadas quatro rodadas de negociações entre Moscou e Kiev, por enquanto sem resultados significativos.

Revista Destemidos.

G:G:M:Â