Mulheres ucranianas fugindo da guerra

Na véspera do Dia Internacional da Mulher, as mulheres ucranianas que atravessavam a fronteira e a Roménia, em fuga da guerra com os filhos pequenos ao colo, tinham poucas razões para celebrar.

Este dia costuma ser bastante comemorado entre familiares e amigos e, normalmente, as mulheres costumam receber flores ou presentes.

Mas este ano o dia tornou-se sombrio. A invasão por parte da Rússia devastou casas e obrigou-as a separarem-se dos maridos, pais e filhos que foram obrigados a ficar para trás, para combater.

Fonte: Euronews

Revista Destemidos